Início / Newsletter / Lions Young Makers – Um projeto educativo

Lions Young Makers – Um projeto educativo

Surgiu com o intuito de dar aos jovens a oportunidade para desenvolver novas competências, incrementando a criatividade e interesse pelas novas tecnologias, com o objetivo de inspirar à criação – Makers – e não ao consumo.

A primeira edição decorreu no Agrupamento Vertical Escolas de Palmela, dando a possibilidade a 10 jovens do ensino técnico, de obter formação prática a nível da Modelação 3D e Impressão 3D (juntamente com módulos de Eletrónica e Programação, num segundo programa), onde foi capa da revista internacional Lions.

O grande objetivo deste projeto passa por incentivar os jovens a aceder a novas áreas de aprendizagem, promovendo da mesma forma o pensamento criativo e o trabalho em colaboração.

O Jornalista Pedro Miguel Oliveira, no jornal Expresso, no passado dia 10 de Janeiro de 2016 escreveu:

“Em 2020, Portugal vai precisar de mais de 100 mil profissionais de Tecnologia. Na União Europeia, a escassez de especialistas nessas áreas vai ascender aos 900 mil. Estas são as previsões das consultoras e de organismos oficiais em Portugal e na União Europeia. Em minha opinião, a falta de recursos humanos especializados em tecnologias será ainda maior.”

“Por isso, existe, um pouco por todo o mundo, uma comunidade emergente de criadores; “makers” como são designados na cultura geek deste século. Estes criadores montam impressoras 3D e fazem os suportes de smartphone que usam nas bicicletas onde se deslocam para ir para a escola secundária, para a universidade e para o trabalho. Criam apps, desenham soluções de software… criam empresas. É por isso que vemos um número crescente de startups em Portugal.”

(Fonte: Expresso)

É neste sentido que o Lions Clube de Palmela, em parceria com o Makerspace, do Centro de Empresas Maquijig, pretende enriquecer a formação destes jovens, muitos inseridos em contextos socioeconómicos desfavorecidos, apoiando-os com esta iniciativa.

O primeiro programa incluiu:

  • 24 horas de formação personalizada, com três formadores especializados;
  • Acesso aos equipamentos e materiais necessários;
  • Visita ao Makerspace;
  • Realização de um evento final que demonstrou as aprendizagens e o seu impacto nos alunos e na comunidade educativa.