Início / Newsletter / Três Importantes passos para se tornar num melhor líder

Três Importantes passos para se tornar num melhor líder

lideres

Ser líder não é tarefa fácil, mas pode tornar-se muito recompensadora. É esperado de um líder ser o responsável das comunidades e organizações em que trabalha. E uma vez que os líderes não são perfeitos, apenas carregam uma cruz enorme, têm de estar conscientes de que vão receber muitas críticas e opiniões divergentes das pessoas que lideram, e por isso mesmo precisam de ter mente aberta e uma enorme paz de espírito para conseguirem responder a todas elas com uma postura quase perfeita. Mas até mesmo os líderes devem ter o discernimento de saber quando ouvir e refutar, e quando aceitar a crítica e fazer os devidos ajustes.
Enquanto líder, terá sempre muito espaço para fazer melhorias. Se pretende liderar, em vez de apenas chefiar, o seu negócio, organização, comunidade e até mesmo a própria família, considere estas três dicas:Motivar as pessoas para uma visão comum
Sem uma visão, as empresas não têm futuro. Uma visão comum motiva e une os elementos da equipa, inspirando-os a trabalharem em conjunto e a apoiarem-se mesmo quando surgem as maiores dificuldades. Existirão empresas de sucesso, que sobrevivam muitos anos e num mercado extremamente competitivo, sem uma visão partilhada por todos e cada um dos seus colaboradores?
Uma equipa que partilhe a mesma visão consegue feitos incríveis, atinge os objetivos a que se propõe e ajuda cada elemento a fazer a passagem dos erros passados para as vitórias presentes e futuras.
Que objetivos quer alcançar? Onde vê a sua empresa e/ou a sua equipa daqui por uns anos? Como espera que a vida dos seus colaboradores melhore? Todas estas questões estão ligadas à visão de um líder. Enquanto líder, crie uma visão que seja capaz de mover as pessoas ao encontro das suas necessidades e desejos, tornando-as o mais auto suficientes possível, mas que também as encoraje a seguir objetivos de vida maiores.Há um velho ditado que diz: “se dermos um peixe a um homem, alimentamo-lo por um dia; se o ensinarmos a pescar, alimentamo-lo para toda a vida”

Lidere pelo exemplo
Esta é uma expressão que tantas vezes foi dita que se tornou um cliché. Mas por mais vezes que seja dita, jamais perderá a sua razão.
O que será que faz com que as pessoas deixem de confiar nos seus líderes? Muitas vezes pelo facto do “faz o que eu digo e não o que eu faço” tomar lugar, ou se preferirmos o tão conhecido “put your money where your mouth is”, diz muito sobre o caráter do suposto líder.

Num artigo no The Wasgington Post (http://www.washingtonpost.com/blogs/guest-insights/post/leadership-character-the-role-of-integrity/2011/04/04/gIQArZL03H_blog.html), o autor afirma que “de todas as facetas de um líder, o seu caráter é a mais importante”, que a integridade não tem a ver com o ser-se perfeito, mas sim ter a força de caráter e a humildade para aprender com os erros e procurar melhorar dia para dia.

É fácil dizer que o correto é liderar pelo exemplo, mas como é que isto pode ser praticado diariamente? O autor Brent Gleeson no seu artigo (http://www.inc.com/brent-gleeson/7-ways-to-lead-by-example.html) dá 7 dicas para se treinar:

– Conheça o seu negócio melhor do que ninguém e o mercado onde está
– Tenha a total consciência do que diz
– Respeite os seus superiores
– Ouça a sua equipa e cada elemento da mesma
– Admita os seus erros
– Delegue para a sua equipa
– Cuide de si

Ou seja: faça o que gostava que os seus líderes fizessem, e estará a liderar pelo exemplo.

“O líder é aquele que sabe o caminho, percorre esse mesmo caminho e ensina-o à sua equipa” John Maxwell

Seja apaixonado, mas também compassivo
A compaixão é a capacidade de sentir empatia pelos outros, é uma virtude capaz de revigorar as pessoas e dar-lhes força e motivação porque se sentem compreendidas e apoiadas. Um líder deve ser compassivo de forma a encorajar quem errou, ajudando-o a aprender com o erro, ganhando de novo confiança.
Um erro comum cometido por alguns líderes é focarem-se em demasia na tarefa que necessita de ser realizada, acabando por deixarem para segundo plano a pessoa que está a desempenhar essa mesma tarefa.
Escusado será dizer que as equipas são compostas por pessoas, não por máquinas.

“Comandar é uma forma de servir, nem mais nem menos”, Andre Malraux

Iniciativas da Câmara Municipal de Palmela
Porque o bem estar e a saúde são temas de essencial importância, tanto no âmbito pessoal como no profissional, no dia 15 de maio, a Câmara Municipal de Palmela promove, com o apoio da Palmela Desporto, o III Seminário de Psicologia e Saúde. Subordinado ao tema “Saúde Positiva e Bem-Estar”, este Seminário pretende sensibilizar para hábitos mais saudáveis e positivos, aos níveis físico e psicológico, quer na vida pessoal quer no contexto das organizações. A Maquijig apoia esta iniciativa e acredita que será extremamente motivacional e informativo para a comunidade, trazendo melhores práticas ao nível da saúde e bem estar das organizações e dos indivíduos, alavancando o empreendedorismo nesta zona do país.